'É normal que servidores desgostem das medidas', diz Meirelles

'É normal que servidores desgostem das medidas', diz Meirelles

"E chegou-se à conclusão de se votar de fato a reforma neste ano", afirmou, ao iniciar apresentação na 5º Conferência Internacional sobre Concorrência dos BRICS, organizado pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Meirelles ressaltou mais uma vez que o consenso entre governo e deputados é que serão mantidos ao menos três pontos da reforma: a idade mínima de aposentadoria, o período de transição e unificação das regras dos regimes público e privado.

Questionado sobre a proposta do relator da reforma da Previdência, Arthur Maia (PPS-BA), de retirar as receitas da seguridade social do alcance da Desvinculação das Receitas da União (DRU), Meirelles desconversou. "Estamos analisando isso com cuidado e certamente se fizer sentido, nós vamos também apoiar isso". De acordo com ele, o encontro teve como resultado o entendimento em torno da necessidade de aprovação da reforma. "É um tempo relativamente curto".

Ller este