Grêmio conquista Taça Libertadores pela terceira vez

Grêmio conquista Taça Libertadores pela terceira vez

FUTEBOLCom golaços contra o Lanus, Grêmio conquista 3º título na Libertadores AFP PHOTO / JUAN MABROMATA.

Campeão da Copa América com a seleção brasileira, em 1989, e da extinta Supercopa da Libertadores, com o Cruzeiro, em 1992 como jogador, este é o primeiro título internacional de Renato Gaúcho, após vence a Copa do Brasil com o Fluminense, em 2007, e Grêmio, no ano passado.

O Grêmio agora concentra todas as forças no Mundial de Clubes.

Em Lanús, os argentinos fizeram rebentar foguetes antes do encontro, mas os jogadores da casa entraram muito nervosos, pressionados pela desvantagem, e nunca conseguiram colocar em sobressalto a defensa dos brasileiros.

"Quantos títulos vou ter de ganhar para ter a minha estátua?", questionou o treinador, nascido em Guaporé (Rio Grande do Sul), que soube interpretar, tanto como jogador e como treinador, o espírito do clube gaúcho: primeiro a entrega, e depois o chamado "jogo bonito".

Fernandinho e Luan apontaram os golos do Grêmio, ainda na primeira parte; Sand foi quem ainda fez o Lanús sonhar ao reduzir a meio da segunda metade. Nem mesmo a expulsão de Ramiro nos minutos finais tirou a compostura da equipe gaúcha. Até final, foi Luan que quase 'bisou', em mais um momento artístico, aos 90. É a primeira vez que um brasileiro ergue o troféu desse campeonato como jogador e como treinador.

Em 1983, Renato venceu este mesmo torneio ao marcar os dois gols da vitória gremista sobre o Hamburgo por 2 a 1, na decisão.

Ller este