Presidente do São Paulo, sobre Kaká: "É uma conversa que deveremos ter"

Presidente do São Paulo, sobre Kaká:

O ídolo do Tricolor não vai renovar contrato com o Orlando City, dos Estados Unidos, e apareceu naturalmente como possível reforço do time paulista.

O presidente do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva, não descarta o retorno do meia Kaká, que não permanecerá no Orlando City em 2018. "Estamos simplesmente nessas manifestações de desejo e agora falta muita coisa, que é conversar a respeito e ver se os interesses se ajustam a ponto de poder dar certo".

Torcedor declarado do São Paulo, o atacante Marcos Guilherme já vive a expectativa de atuar ao lado de Kaká a partir do ano que vem. "Não posso negar (que o São Paulo fará a proposta)".

A luta contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro ganhou companhia entre os assuntos mais discutidos no São Paulo.

Para o objetivo a que se refere Marcos Guilherme ficar mais próximo de ser alcançado, o São Paulo precisará de um bom resultado diante do Fluminense, nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Maracanã.

"Vamos esperar, isso é para o planejamento de 2018, mas ele é sempre uma figura bem-vinda", disse.

Revelado pelo São Paulo, Kaká passou por clubes como Milan e Real Madrid. Hoje mesmo estava vendo que ele foi o último melhor do mundo (2007) antes de Cristiano Ronaldo e Messi, que são extraterrestres, são de outro planeta. Porém, como a temporada da Major League Soccer (MLS), iria abrir só em março de 2015, ele foi emprestado ao São Paulo até o fim de 2014.

Ller este