Gabriel vê Corinthians com "sangue nos olhos" por título

Gabriel vê Corinthians com

E a outra partida foi no primeiro turno do campeonato Brasileiro no dia 12 de julho, onde o Verdão recebeu o Corinthians e foi derrotado por 2 a 0 em pleno Allianz Park. Vamos entrar em campo sempre para distanciar do segundo e encurtar cada vez mais o campeonato.

"Sabemos do momento de oscilação, mas isso pode e tem de ser revertido. Domingo temos mais uma oportunidades de mostrar que o líder está com sangue nos olhos para ser campeão", avaliou o jogador. "Não tem nenhum jogo mais importante que o do Cruzeiro".

Campeão no ano passado com o Palmeiras, Gabriel assegurou que o Timão não mudará seu modo de atuar com a diminuição da diferença para o segundo colocado.

A queda da vantagem na liderança do Brasileirão aumentou a pressão no Corinthians. Entramos sempre com a cobrança de ganhar e de ser campeão, e nosso grupo vem fazendo isso durante os jogos.

"Para a gente conquistar os objetivos, temos que vencer o adversário da rodada".

"A pressão é somente nossa em busca do objetivo".

- Os rivais que estão abaixo da tabela vão correr atrás, mas só depende de nós para sermos campeões. Os gols que tomamos davam para ser evitados, já conversamos internamente.

No sábado (28) véspera do jogo contra a Ponte Preta, a torcida organizada do Corinthians a "Gaviões da Fiel", promete fazer um protesto no CT do Timão, torcedores indignados no a situação do time, fazem ameaças nas redes sociais. O próximo compromisso será contra a Ponte Preta, em duelo marcado para as 17h (de Brasília) do domingo, no Moisés Lucarelli.

Ller este