CaixaBank muda sede para Valência — Catalunha

CaixaBank muda sede para Valência — Catalunha

O conselho de administração do banco catalão Sabadell decidiu esta quinta-feira, em sessão extraordinária, transferir a sua sede social para Alicante, perante a possibilidade de a Catalunha declarar unilateralmente a independência na próxima semana.

Em várias mensagens, através da sua conta na rede social Twitter, Aragonès salientou que a decisão demonstra que o Executivo espanhol "vê a independência da Catalunha perto" e, por isso, "pretende "castigar a economia catalã", o que considerou ser uma "total irresponsabilidade".

A fuga de bancos e empresas da região autónoma será possível graças a uma alteração legislativa que está a ser preparada pelo governo e que permitirá à instituição financeira avançar com a medida sem submeter a decisão à aprovação da assembleia de acionistas.

O quinto maior banco espanhol e o segundo da Catalunha vai assim poder continuar protegido pelas regras exigentes de supervisão do Banco Central Europeu e a operar com toda a normalidade dentro do sistema bancário europeu. Em cima da mesa está a transferência da sede social para Palma de Maiorca. O CaixaBank também está a ponderar a saída da Catalunha rumo às ilhas Baleares.

Desde que se soube esta quinta-feira de manhã que o Sabadell iria tomar uma decisão sobre esta matéria, as suas ações iniciaram um movimento de subida, que contrastou com a descida de cerca de 10 % desde o início da semana, com os investidores receosos das consequências da subida da tensão entre Madrid e Barcelona na sequência do referendo de autodeterminação realizado no domingo. O protagonista, do lado catalão, é o vice-presidente da Generalitat, Oriol Junqueras, que há vários dias tem a agenda em branco.

O Caixabank detém 85% do BPI.

Ller este