Brasil goleia e Chile fica de fora da Copa

Brasil goleia e Chile fica de fora da Copa

Divulgação O Brasil vence o Chile na noite desta terça-feira, por 3 a 0, na Arena do Palmeiras.

A classificação mais dramática foi da Argentina, que ocupava a sexta posição antes da última rodada e corria o risco de ficar fora da Copa, mas com uma vitória por 3 x 1 sobre o Equador, fora de casa, garantiu seu lugar, com três gols de Lionel Messi.

No lance seguinte, Gabriel Jesus cutucou ainda mais a ferida, ao decretar 2 a 0 após assistência de Neymar. Além do Brasil, vão para a Copa o Uruguai, Argentina e Colômbia.

Depois de conseguir dois gols seguidos, a Seleção Brasileira ficou mais tranquila em campo e os chilenos começaram a perder a cabeça. Já o jovem atacante Gabriel Jesus fechou a disputa como artilheiro da Seleção Canarinha com sete gols. Classificado antecipadamente, o Brasil joga contra o Chile às 20h30min.

Depois de um primeiro tempo mais morno, mas com chances perdidas pelo Brasil - principalmente em uma bola cara-a-cara de Neymar contra o goleiro Bravo que defendeu o chute do brasileiro -, o Brasil foi mais mortal no segundo tempo e praticamente liquidou a partida nos 11 primeiros minutos de jogo.

A consagração da vitória brasileira veio também de Gabriel Jesus no finalzinho do segundo tempo.

O Brasil entrou em campo com: Ederson, Dani Alves, Marquinhos, Miranda e AlexSandro; Casemiro, Paulinho e Renato Augusto; Philippe Coutinho, Neymar e Gabriel Jesus. O Chile foi todo para o ataque, inclusive com o goleiro Bravo em escanteio.

Graças à vitória, o Brasil chegou a 41 pontos e também registrou a segunda melhor campanha da história das Eliminatórias da Copa.

Cumprida com láureas sua missão, a Seleção Brasileira fechará a temporada com dois amistosos em novembro.

No fim do primeiro tempo, Philippe Coutinho levou um cartão amarelo por conta de um carrinho duro em Sánchez. Nesta imagem, ela foi flagrada nervosa com a possibilidade de eliminação de sua seleção. Sacou Renato Augusto, mais uma vez apagado, para a entrada de Fernandinho.

O primeiro tempo do confronto terminou sem gols, mas o Brasil tomou iniciativa e criou oportunidades.

Vivendo grande fase também no Barcelona, o meia Paulinho aproveitou um chute de falta de Daniel Alves, cheio de efeito e que Bravo deu rebote, para tocar na saída do arqueiro, aos 09 minutos da etapa final. Os últimos a sair, enfim, foram os pendurados Neymar e Coutinho, bastante aplaudidos quando cederam espaço a Willian e Roberto Firmino. Willian lançou para Gabriel Jesus, que pegou a bola na frente de todo mundo e entrou com bola e tudo, já que o arqueiro voltava atrás da linha da bola.

Ller este