Autor de dois dos três gols do Bahia, Rodrigão comemora vitória

Autor de dois dos três gols do Bahia, Rodrigão comemora vitória

Titular pela primeira vez desde a chegada ao Bahia, o atacante foi decisivo no confronto com a Ponte Preta e marcou dois dos três gols do triunfo tricolor. Para não entrar de vez na zona de rebaixamento, o time de Campinas precisa torcer para que Vitória e Avaí não vençam seus jogos contra Vasco e Coritiba, respectivamente, sendo que ambos têm a vantagem de atuar como mandantes nesta rodada. Numa arrancada pela direita, Zé Rafael foi derrubado por Fernandinho. Régis cobrou na marca do pênalti para Rodrigão, que tocou no contrapé de Aranha e marcou no primeiro lance da partida. Rodrigão, autor de dois gols, recebeu elogios.

Diante deste cenário, o Bahia recuou a marcação e deixou a bola com a Ponte Preta, que tinha dificuldade para criar. O goleador recebeu lançamento em profundidade, driblou o goleiro e mandou para o fundo das redes, 2 a 0. O atacante deu muito trabalho à zaga pontepretana, que não conseguiu encontrar uma forma de pará-lo. "Jamais queríamos estar em uma situação dessas", esbravejou Gilson Kleina na saída do gramado.

No Moisés Lucarelli, a noite foi do artilheiro Rodrigão. No início do segundo tempo, aos oito minutos, Rodrigão repetiu a dose e ampliou.

A sequência foi de pressão da Ponte Preta em busca do gol de empate, mas o goleiro Jean fez importantes defesas para segurar o resultado, especialmente em chutes de Lucca e em finalização de Jadson que ainda tocou na trave após a intervenção do goleiro. "Conseguimos demonstrar um bom futebol e fazer os gols", resumiu. A torcida da Ponte perdeu a paciência e passou a vaiar a equipe, que em campo se mostrava sem nenhuma estratégia para virar a partida. Aos 39 minutos, Renê Júnior aproveitou a já desarrumada defesa da Ponte para fazer o terceiro.

Com a vantagem no placar, o time do técnico Jorginho recuou e esperou a Ponte Preta tomar as iniciativas, e até ofereceu espaço para o time da casa, que pecava nas finalizações. No próximo domingo o time de Gilson Kleina viaja para Porto Alegre (RS) para enfrentar o Grêmio, às 16 horas.

O Bahia volta a campo no domingo, contra o Avaí.

Ller este